2016-12-09 - A Comissão Europeia lançou o Corpo Europeu de Solidariedade.


A União Europeia assenta na solidariedade: solidariedade entre os cidadãos, solidariedade entre os Estados-Membros e solidariedade na sua intervenção dentro e fora da União. A solidariedade é um valor partilhado profundamente enraizado em toda a sociedade europeia.
No seu Discurso sobre o estado da União de 2016, o Presidente Jean-Paul Juncker, anunciando a criação do Corpo, declarou: «A solidariedade manifesta-se mais facilmente quando nos encontramos em situações de emergência. Quando neste verão deflagraram incêndios em Portugal, houve aviões enviados pela Itália a ajudar no combate às chamas. Quando as inundações privaram a Roménia de energia, foram os geradores fornecidos pela Suécia que ajudaram a restabelecer a eletricidade. Quando milhares de refugiados chegaram às ilhas gregas, encontraram abrigo em tendas fornecidas pela Eslováquia. Dentro desse espírito, a Comissão decidiu propor hoje a criação de um Corpo Europeu de Solidariedade.»
O Corpo Europeu de Solidariedade visa dar aos jovens a oportunidade de participar em ações de solidariedade em domínios como a educação, a saúde, a integração social, a assistência na distribuição de alimentos, a construção de abrigos, o acolhimento, o apoio e a integração de migrantes e refugiados, a proteção do ambiente ou a prevenção das catástrofes naturais.
Essa participação não só será benéfica para os jovens, por adquirirem experiência e competências úteis no início da sua carreira profissional ,como ajudará também as autoridades nacionais e locais, as organizações não governamentais e as empresas nos seus esforços para enfrentar diversos desafios e crises.
Com o novo Corpo Europeu de Solidariedade a Comissão está a criar duas vertentes para a colocação de jovens dos 18 a 30 anos durante um período de dois a doze meses em:
-Projetos de voluntariado, com vista a desenvolver atividades a tempo inteiro e não remuneradas, graças à concessão de uma subvenção; Ou
-Projetos na vertente ocupacional, que proporcionam a possibilidade de encontrar um emprego, estágio ou programa de aprendizagem em inúmeros setores.
Aos 17 anos os jovens já se podem inscrever no Corpo Europeu de Solidariedade, mas só podem participar num projeto depois de fazerem 18 anos. A participação nos projetos do Corpo Europeu de Solidariedade está aberta aos jovens até aos 30 anos de idade.

CORPO EUROPEU DE SOLIDARIEDADE
Também queres ser voluntário?
Inscreve-te em
https://europa.eu/youth/Solidarity_pt

Voltar
 
© 2013 - Oficina - Escola Profissional do Colégio das Caldinhas by gobox.pt
Financiado pela União Europeia